segunda-feira, maio 26, 2008

Jéferson Peres


Confesso constrangida minha omissão. Não queria registrar aqui mais uma morte. Já havia falado nos queridos Arthur da Távola e Zélia Gattai (Zélia, no blog Perfil de Mulher). Na semana passada o Brasil perdeu um ícone da ética, na sombria cena política brasileira. Morreu Jéferson Peres, senador pelo Estado do Amazonas, cuja coragem cívica era inversamente proporcional ao seu físico. Receio precisarmos, como Diógenes, de uma lanterna para encontrar políticos com tal perfi, pois, ainda creio que existam. Espero que a mídia lance seus focos sobre eles, pois do contrário a apatia se alastrará entre nós e entregaremos de vez o Brasil às hienas.

2 comentários:

AnadoCastelo disse...

Minha querida, esses acontecimentos não são como nós queremos, mas quando eles têem de acontecer, não tem de ficar constangida. Realmente é pena não haver mais políticos assim, e é talvez por isso que ele não é muito conhecido aqui.
Beijinhos

Evelyne Furtado disse...

A carreira política dele foi curta, mas teve posições importantes durante as crises do governo, por isso não era tão conhecido, mas era um bravo!
Bjs