sábado, julho 05, 2008

Mulher Intensa

Lendo os primeiros versos de Violeta Parra, enquanto ouvia Milton Nascimento e Mercedez Sosa, em Volver a los 17, traduzi o sentir profundo e a fragilidade de uma criança frente a Deus ,sobre os quais a poeta chilena se refere.
Fiz dos seus versos meu passaporte para não me intimidar ante as fronteiras dos meus sentimentos.
Usarei meu password para expressar toda fragilidade que existe em mim e dela retirarei as forças que preciso para viver intensamente.
De porte de minha licença, passo livre pela vida vibrando como mulher regida por pensamentos, sentimentos, ovários. útero e sangue latino.
Viverei como sou: intensa e íntegra. Não me esconderei em falsas palavras, nem na timidez, ou na patrulha dos que se intimidam com as emoções.
Assim será cada inspirar e respirar dos meus pulmões. Assim será cada batida do meu coração.
Assim sou e assim serei: uma mulher intensa no amor e na dor.
Mas não me confundam com as carpideiras de plantão, muito menos com quem se exarceba em falsas comoções.Também sou discreta e recebi boa educação.

"Solo el amor con su ciencia nos vuelve tan inocentes"
Violeta Parra.


Evelyne Furtado, 05 de julho de 2008.

2 comentários:

AnadoCastelo disse...

Lindo!!!

Evelyne Furtado disse...

Obrigada, Aninha!
Estava com saudade de você!
Depois vou ao Castelo.
Bjs