terça-feira, agosto 14, 2007

Languidamente Feliz.



Deito meus sonhos na grama
O sol me lambe as pernas
Languidamente feliz.

4 comentários:

cm disse...

da terra vem vida que o sol ilumina


um abraço

Halem Souza (Quelemém) disse...

Um Sol com espírito faunístico. Humm...

Evelyne Furtado disse...

Ops, que lindo, CM!
Obrigada pela visita e um abraço.

Evelyne Furtado disse...

Bem-vindo, Halem!
Bom te ver por aqui de novo. Esse sol tem a licença poética de ser um pouco fauno, sim.
Obrigada e um abraço.